Advertisement
Advertisement
Advertisement

Talking Heads recusou oferta de quase 500 milhões de reais para se reunir

31 janeiro, 2024
Talking Heads recusou oferta de quase 500 milhões de reais para se reunir

Foto via A24

 

Apesar das turnês de reunião serem, na maioria das vezes, um grande sucesso, nem todas as bandas estão interessadas em voltar a se apresentar com seus ex-companheiros de trabalho. E este parece ser o caso do Talking Heads.

Advertisement

Segundo o site Tenho Mais Discos Que Amigos, no ano passado, os integrantes da lendária banda formada por David Byrne (voz e guitarra), Tina Weymouth (baixo), Chris Frantz (bateria) e Jerry Harrison (teclado e guitarra) se reuniram pela primeira vez em mais de 20 anos no Festival Internacional de Cinema de Toronto para apresentar a nova restauração em 4K de seu icônico filme-concerto Stop Making Sense (1984).

No evento, o grupo quase foi abordado pelo curador do Coachella e presidente da produtora Goldenvoice, Paul Tollett, que tinha interesse em propor um show de reunião em seu festival.

De acordo com a Billboard (via CoS), o empresário disse que analisou o clima da banda antes de realmente falar com eles e “sentiu que não havia shows acontecendo, então não fez uma oferta”.

Tollett não chegou a comentar qual seria o valor que o Coachella estaria disposto a pagar ao Talking Heads para uma apresentação especial no festival, mas uma fonte apontou que o cachê poderia ter sido algo em torno de US$10 milhões, ou cerca de R$55 milhões.

 

Talking Heads rejeita oferta milionária

E o curador do Coachella não foi o único a tentar organizar uma reunião da banda que se separou oficialmente em 1991, alguns anos após o lançamento do álbum Naked (1988).

O Talking Heads recebeu uma oferta da gigante do entretenimento Live Nation, que supostamente teria oferecido US$80 milhões, aproximadamente R$450 milhões para tocar como atração principal de “seis a oito shows em festivais e apresentações como headliner”. Porém, o grupo rejeitou a proposta.

 

Coachella 2024

A edição do Coachella de 2024 realmente se empenhou para promover aos fãs reencontros de grandes nomes da música.

Apesar de não ter conseguido contratar o Talking Heads, o festival contará com shows especiais do No Doubt e do Sublime.

À Billboard, Paul Tollet disse para os fãs do No Doubt não perderem as esperanças em relação a uma turnê mais ampla do grupo, porém uma fonte apontou que nenhuma turnê seguirá a data do Coachella, já que Gwen Stefani pretende passar a segunda metade do ano trabalhando em suas carreira solo.

A própria vocalista do No Doubt declarou recentemente que ela e seus colegas ainda não estão pensando nos futuros planos da banda.

 

Paramore regrava Talking Heads

Em tempo, a banda norte-americana Paramore regravou a canção “Burning Down The House”, do Talking Heads, justamente para um tributo lançado para celebrar a obra do grupo e a restauração de Stop Making Sense.

Você pode ouvir a versão de Hayley Williams e companhia logo abaixo.

 

Fonte: Tenho Mais Discos Que Amigos

Advertisement


NOTÍCIAS
RECEBA NOTÍCIAS DO MUNDO DO ROCK E PARTICIPE DOS NOSSOS CONCURSOS
Kiss FM 92.5

Avenida Paulista, 2200 - 15º andar - São Paulo/SP

atendimento@kissfm.com.br

WhatsApp do ouvinte: 11 99887.4343

Kiss FM