Advertisement
Advertisement
Advertisement

Motörhead: Mikkey Dee toca clássicos da banda de Lemmy Kilmister

21 novembro, 2023
Motörhead: Mikkey Dee toca clássicos da banda de Lemmy Kilmister

Crédito: William Greenberg/Reprodução/Facebook

 

O baterista Mikkey Dee (Scorpions) tocou músicas do Motörhead em show na Noruega.

Advertisement

A perda de um ícone torna praticamente inviável e impossível a continuidade da jornada de uma banda, com toda a certeza. Quando essa figura é insubstituível, seja pela sua forma de tocar ou pelo seu feeling e carisma, ou até mesmo um trejeito mais ranzinza, porém especial, o fim é decretado de fato. Certamente, para quem está próximo desse ícone, a coisa se torna bastante complicada.

Segundo o site Mundo Metal, duas semanas após o último show (11 de dezembro) em turnê no ano de 2015, o Motörhead anunciou o fim das atividades devido ao falecimento de Ian Fraser Kilmister, o eterno Lemmy, no dia 28 de dezembro de 2015. Líder, baixista e vocalista de uma das bandas mais importantes do Rock e do Heavy Metal como um todo. Além de ser um dos pilares para o surgimento do Thrash Metal.

Sobre a apresentação de Mikkey Dee e homenagem ao Motörhead

Desde então, o nome Motörhead foi guardado definitivamente na gaveta. Coube aos músicos envolvidos, organizarem eventos em celebração à obra e a figura de Lemmy Kilmister. Porém, sites e demais veículos de comunicação informaram algo de forma distinta ao que Mikkey Dee quis expressar, segundo o mesmo.

O ex-baterista do Motörhead e atual Scorpions, Mikkey Dee, realizou uma apresentação em Nord-Odal, Noruega, no dia 28 de outubro. O local presenteado com algumas músicas clássicas do Motörhead foi o Milepelen Kulturhus. Além da grande atração, Mikkey teve companhia. Foi através dos integrantes da banda The Drippers. Viktor Skat (baixo e vocal) e Stig William Rickard (guitarra) integraram o trio para executarem os hinos. Portanto, sempre haverá a possibilidade de celebrar a obra de Lemmy.

Entretanto, Mikkey Dee precisava esclarecer e corrigir o que havia sido publicado pela mídia sobre nunca mais se atrever a tocar músicas do Motörhead após a morte de Lemmy. Todavia, a oportunidade surgiu.

Em entrevista recente ao Chaoszine, portal finlandês, Mikkey relembrou a última turnê do Motörhead em 2015. Ao refletir sobre o ocorrido, o baterista sueco disse:

“(Lemmy) estava muito animado. Ele adorava fazer essas coisas. E eu me lembro que estávamos passando por momentos muito difíceis. Lemmy estava doente. Ele estava cansado. E não conseguimos tirá-lo da estrada. Tanto eu e Phil (Campbell, guitarrista do Motörhead) disse: ‘Olha, vamos fazer uma pausa. Vamos voltar para (a cidade natal de Lemmy, Los Angeles), descansar, comer e retomar a turnê europeia.’ Mas ele disse: ‘Não, não, não, não, não. Temos que tocar.’ ‘Ok.’ Então eu e Phil estávamos conversando e dissemos: ‘Em vez de discutir com Lemmy, tentando tirá-lo da estrada, vamos apenas ajudá-lo.’

E eu me lembro, nos shows, tivemos que ajustar muitas coisas, mas acho que nós e ele nos saímos fantásticos. Quer dizer, o último show foi em 11 de dezembro em Berlim, e algumas semanas depois, o homem se foi. Então, acredite em mim, eu e Phil investimos 150 por cento e Lemmy deve ter investido 300 por cento para passar pelo set.”

 

Mikkey Dee tem realizado shows pela Europa e apresentado material do Motörhead sem usar o nome clássico da banda. O músico tem tratado esses shows como homenagem e celebração aos serviços prestados para o Motörhead, à própria banda e, principalmente, a Lemmy Kilmister. Mikkey Dee with Friends tem sido o nome colocado para esses shows.

Junto a isso, Mikkey foi questionado sobre Phil Campbell e ele poderem sair e tocar os grandes clássicos do Motörhead juntos, tendo outra pessoa para fazer as vezes de Lemmy.

 

O baterista informou o seguinte:

“Bem, nunca se sabe. Quero dizer, eu e Phil escrevemos ótimas músicas. Mas ele está totalmente envolvido com seus meninos (na banda Phil Campbell and the Bastard Sons). E estou totalmente envolvido com o Scorpions. Estamos fazendo muitas turnês. Não agora, obviamente, mas estamos na estrada o tempo todo com o Scorps. Então, não digo não; sempre há possibilidades. Mas, é claro, como expliquei em, acho que um podcast, eu disse, e algumas pessoas entenderam isso mal, ou na verdade não entenderam – na verdade, a imprensa escreveu as coisas erradas. Eu disse: ‘Nunca, jamais, voltaremos a ficar juntos e substituiremos Lemmy.

Isso é impossível.’ Eu disse: ‘Mas fazer pequenas constelações, fazer alguns tributos, isso é ótimo.’ Isso é muito, muito diferente. E acho que eles disseram algo: ‘Mikkey nunca mais tocará Motörhead.’ Essa foi a manchete principal do Blabbermouth. Eu disse que não foi isso que eu disse. É claro que tocarei no Motörhead. Mas nunca farei parte da tentativa de colocar o Motörhead como uma banda lá fora novamente com algum outro idiota supostamente para tomar o lugar de Lemmy. Então foi tudo o que eu disse. Mas fazer isso (coisa de ‘Mikkey Dee With Friends’), (é) fantástico. E, claro, gostaríamos de planejar algo maior do que isso no futuro, espero.”

 

A volta do Motörhead em forma de tributo é completamente plausível e merece acontecer sempre que possível. Celebrar a obra é a chave para manter a chama acesa e atingir novos corações ávidos por música. Mikkey e Phil possuem muitos compromissos, cada qual com sua respectiva agenda.

Motörhead é lendário. Lemmy é lendário. Ambos merecem todas as homenagens sempre. Cabe aos responsáveis resolverem isso. Certamente, não veremos mais o Motörhead como banda no palco. Porém, a celebração será sempre válida.

Sobre o ocorrido junto ao portal Blabbermouth: Ao contrário da afirmação de Mikkey, a manchete real da história do portal Blabbermouth de fevereiro de 2023 à qual ele está se referindo era “Mikkey Dee: ‘Nunca faremos turnê’ sob o nome Motörhead novamente”.

Confira a apresentação na Noruega feita por Mikkey Dee e os caras do The Drippers no Milepelen Kulturhus:

Fonte: Mundo Metal – Stephan Giuliano

Advertisement


NOTÍCIAS
RECEBA NOTÍCIAS DO MUNDO DO ROCK E PARTICIPE DOS NOSSOS CONCURSOS
Kiss FM 92.5

Avenida Paulista, 2200 - 15º andar - São Paulo/SP

atendimento@kissfm.com.br

WhatsApp do ouvinte: 11 99887.4343

Kiss FM