Advertisement
Advertisement
Advertisement

Judas Priest: “está seriamente ilustrado com tantas fotos da história da minha vida e não recebo nenhuma receita disso”, diz KK Downing sobre o livro de 50 anos

11 abril, 2023
Judas Priest: “está seriamente ilustrado com tantas fotos da história da minha vida e não recebo nenhuma receita disso”, diz KK Downing sobre o livro de 50 anos

Segundo o site Mundo Metal, o ex-guitarrista do Judas Priest, KK Downing, manifestou apoio a Mick Mars, ex-guitarrista do Mötley Crue, com relação à disputa legal envolvendo Mars e seus colegas de banda sobre a última turnê do grupo e a polêmica envolvendo o uso de playbacks e fitas gravadas.

Falando ao Blabbermouth por uma mensagem de voz no sábado (dia 08), KK Downing disse que a situação de Mars se assemelha com a situação vivida por ele com o Judas Priest.

Veja o que disse KK:

Advertisement

“Eu simpatizo com Mick porque estou passando exatamente pela mesma coisa. E é bastante desagradável, para dizer o mínimo. Depois de passar a vida inteira construindo o nome, reputação, popularidade e valor de uma banda, em particular, uma marca, deveria estar tudo bem para as pessoas se aposentarem, especialmente no caso de uma doença como foi no caso dele.

No meu caso, estávamos nos preparando em 2010 para fazer uma última turnê mundial, a turnê ‘Epitaph’, que era para ser o fim da banda. naquela época eu estava sendo pressionado para escrever um EP para apoiar aquela turnê, da qual eu absolutamente não faria parte… Eu certamente não queria terminar minha carreira com um EP. Então joguei a toalha e enviei uma carta de aposentadoria.

Havia todo um conjunto de circunstâncias para eu não fazer a turnê final. E uma das principais considerações foi que estávamos ficando preocupados com Rob e pensamos que ele estava se preparando para deixar a banda novamente. Porque em 2010, quando tudo isso estava acontecendo, o planejamento da turnê de despedida e o término da banda, a justificativa era que Rob praticamente em 12 meses havia lançado dois álbuns de estúdio com sua própria banda e fez uma turnê mundial, incluindo Ozzfest. E estávamos pensando que Rob com seu próprio empresário seguiria caminhos separados novamente. E essa foi outra consideração séria que eu tive. Eu realmente queria mencionar isso porque realmente não era a banda que eu estava deixando, apenas decidi não fazer a despedida, a tal última turnê da banda, era o que todos concordamos e era o que se pretendia que acontecesse.

Então, essencialmente, minha decisão foi não fazer a turnê final. Claro que eu não sabia que a banda continuaria, naquela época. Caso contrário, as coisas e decisões poderiam muito bem ter sido diferentes. Mas, como eu disse, simpatizo com Mick porque as circunstâncias entre nós dois parecem ser praticamente… bem, idênticas.”

KK acrescentou ainda que Halford, Ian Hill e Glenn Tipton “uniram-se” para “expulsá-lo como diretor” na empresa Judas Priest Music Limited, que controla os ativos da banda.

“Como acionista de 25% da empresa, a posição deles é que minhas ações não têm valor, o que é completamente ridículo. Eu acho que Mick realmente falou sobre essa coisa em particular também no que se refere ao MÖTLEY CRÜE e parece ser o que o resto dos caras de sua banda estão tentando fazer também… Até o Livro de aniversário de 50 anos do PRIEST está seriamente ilustrado com tantas fotos da história da minha vida e não recebo nenhuma receita disso ou de qualquer mercadoria. E me disseram que minha parte na empresa não tem valor.”

 

KK aproveitou para mandar um recado para músicos que estejam passando por situação semelhante:

“Acho que para salvaguardar qualquer outra pessoa que possa estar nesta posição, que pode muito bem ser um conhecido meu ou até mesmo um bom amigo meu, não gostaria que eles estivessem na mesma posição. Assim, salvaguardas precisam ser implementadas para evitar até mesmo o pensamento de litígio. Mas, quanto a mim e Mick, parece que essa é a nossa única rota.”

 

A saída de KK Downing do Judas Priest ocorreu em meio a alegações de conflitos com os outros integrantes, gestão de má qualidade e queda na qualidade do desempenho.

Image: Theo Wargo / Getty Images

 

Fonte: Mundo Metal – Flávia Reis

Advertisement


NOTÍCIAS
RECEBA NOTÍCIAS DO MUNDO DO ROCK E PARTICIPE DOS NOSSOS CONCURSOS
Kiss FM 92.5

Avenida Paulista, 2200 - 15º andar - São Paulo/SP

atendimento@kissfm.com.br

WhatsApp do ouvinte: 11 99887.4343

Kiss FM