Advertisement
Advertisement
Advertisement

A melhor banda ao vivo de todos os tempos segundo Taylor Hawkins, do Foo Fighters

26 março, 2024
A melhor banda ao vivo de todos os tempos segundo Taylor Hawkins, do Foo Fighters

Reprodução/YouTube

 

É inegável que a entrega de Taylor Hawkins nos palcos era absurdamente poderosa. Por isso, não é de surpreender que a banda de um dos seus grandes heróis da música também foi uma forte referência neste quesito e segue influenciando muitos outros artistas.

Advertisement

Segundo o site Tenho Mais Discos Que Amigos, estamos falando do Queen, que foi muitas vezes enaltecido pelo saudoso baterista do Foo Fighters principalmente por causa de seu lendário baterista Roger Taylor, que era considerado por Hawkins como uma de suas maiores inspirações.

Apesar do grupo liderado pelo icônico e saudoso Freddie Mercury ser considerado genial musicalmente quando estava no estúdio, o quarteto britânico também sempre foi muito reconhecido por suas performances memoráveis e sua interação fenomenal com o público.

Ao Hall da Fama do Rock and Roll (via Far Out), Taylor revelou certa vez que foi a um show do Queen quando ainda era criança e aquilo marcou sua vida de uma forma especial:

Como uma banda ao vivo, o Queen meio que chutava a bunda de todo mundo. Queen foi meu primeiro show, e todos os shows desde então foram um pouco decepcionantes. [As performances] eram cruas mas ensaiadas, enormes mas íntimas, duas das melhores horas da minha vida.

A melhor banda ao vivo segundo Taylor Hawkins

Entre os incontáveis shows realizados pelo Queen, um que se enquadra perfeitamente no relato de Taylor Hawkins foi a apresentação histórica da banda no Live Aid em 1985.

Em apenas 25 minutos e com um setlist de oito músicas, incluindo alguns dos seus maiores hits como “Bohemian Rhapsody”, “Crazy Little Thing Called Love”, “We Are The Champions” e outros, o grupo fez um show que ficou marcado na memória de muitos fãs até hoje.

Reforçando a ideia de que o Queen é a maior banda de todos os tempos, o saudoso baterista falou em mais detalhes sobre a performance no Live Aid:

Sua lendária apresentação no Live Aid em 1985, sem luzes, sem passagem de som, sem frescuras e apenas 20 minutos no palco mostrou ao mundo como transformar um enorme estádio em uma pequena boate suada.

 

 

Taylor Hawkins queria fazer shows tributo ao Queen

Aliás, entre os planos não realizados de Hawkins estava uma homenagem ao grupo que ele tanto admirava.

Segundo Luke Spiller, do The Struts, ele e o baterista se aproximaram por conta de seu amor mútuo pelo Queen e, em conjunto, iriam realizar uma série de shows para explorar o catálogo da aclamada banda britânica.

Infelizmente, como muitos sabem, Taylor faleceu em 25 de Março de 2022 e deixou essa possibilidade no campo das ideias. É uma pena que não tenhamos presenciado isso!

Fonte: Tenho Mais Discos Que Amigos – Lara Teixeira

Advertisement


NOTÍCIAS
RECEBA NOTÍCIAS DO MUNDO DO ROCK E PARTICIPE DOS NOSSOS CONCURSOS
Kiss FM 92.5

Avenida Paulista, 2200 - 15º andar - São Paulo/SP

atendimento@kissfm.com.br

WhatsApp do ouvinte: 11 99887.4343

Kiss FM